Estudantes de Sintra mergulham virtualmente no mundo marinho

Estudantes de Sintra mergulham virtualmente no mundo marinho

A Câmara Municipal de Sintra associou-se ao projeto Kids-Dive – Mergulhar com Crianças, Descobrir o Oceano, e leva centenas de estudantes a participar numa experiência virtual única de cariz ambiental.

O Projeto Kids-Dive é um programa educativo, de âmbito nacional, destinado à população estudantil entre os 8 e os 17 anos de idade e tem como objetivo fomentar os mecanismos de proteção e preservação do meio marinho e da biodiversidade e contribuir para a formação de uma “geração azul” e de uma sociedade mais participativa na defesa dos Oceanos e da sustentabilidade ambiental.

A autarquia de Sintra associou-se programa no ano letivo de 2018/2019 e, desde então, centenas de estudantes tiveram a oportunidade de poder trocar a sala de aula por outros espaços fora do recinto escolar, quer espaços exteriores cobertos quer espaços ao ar livre que permitiram pôr em pratica as atividades ambientais contempladas no projeto.

Com a reestruturação digital do projeto devido à pandemia, o agora renovado projeto “Kids Dive Virtual” passou a contemplar três atividades virtuais ligadas à conservação do meio marinho:

um mergulho marinho virtual 3D e palestras de apoio sobre o papel dos cientistas na proteção dos oceanos (atividade 1);

uma saída de campo virtual ao vivo, via Instagram, a uma área marinha local – Praia do Magoito -, com uma sessão de perguntas e respostas de alunos e professores (atividade 2);

visitas virtuais ao Oceanário e Jardim Zoológico de Lisboa para dar a conhecer a biodiversidade marinha (atividade 3).

A atividade 1 realizou-se no passado dia 18 de janeiro e contou a participação de centenas de estudantes oriundos de vários municípios portugueses, sendo o município de Sintra detentor de uma maior representação no evento, com a participação de mais de 350 estudantes do concelho. As próximas atividades estão ainda por agendar, em resultado da situação epidemiológica vivida, sendo que estas irão mobilizar mais de 240 estudantes do concelho de Sintra.

O projeto enquadra-se na Estratégia de Educação Ambiental do Município de Sintra, tendo como entidades parceiras o MARE/ISPA-IU (Centro de Ciências do Mar e do Ambiente/Instituto Universitário de Ciências Psicológicas, Sociais e da Vida), entidade coordenadora do projeto a nível nacional, a National Geographic, o Oceanário de Lisboa, o Jardim Zoológico de Lisboa, o Aquário Vasco da Gama, a Nautilis-Sub e a APML – Associação Portuguesa de Lixo Marinho.

Mais informações AQUI.

 


Imprimir